Maioria dos micro e pequenos empresários já está com dificuldade para fechar as contas

Crise provocada pela Covid-19 já afeta o faturamento de nove em cada dez micro e pequenos negócios.

Com parte do comércio fechada e diversos serviços paralisados, esses empresários têm tido dificuldade para fechar as contas.

Em todo o País, 89 vírgula dois por cento dos cerca de 17 milhões de pequenos negócios apresentaram redução nos valores vendidos durante a crise.

Só para se ter uma ideia, em uma semana com medidas de isolamento social, as vendas diminuíram em média foi de 69 vírgula três por cento, na comparação com o período de funcionamento normal.

Os dados são de pesquisa do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresa, o Sebrae, feita no final de março em parceria com a Fundação Getúlio Vargas.

Divulgado pelo jornal o Estado de S.Paulo, o levantamento mostra que apenas três vírgula dois por cento das pequenas empresas não sentiram mudanças.

Entre os microempresários ouvidos, somente dois vírgula cinco por cento dos microempresários perceberam uma movimentação maior, com crescimento da demanda durante a crise.

A pesquisa revela que esse grupo registrou aumento médio no faturamento de 21 vírgula um por cento.

O presidente do Sebrae, Carlos Melles, lembra que as micro e pequenas empresas concentram 66 por cento dos empregos no comércio, 48 por cento nos serviços e 43 por cento na indústria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *