Beneficiário do INSS com dificuldade de locomoção poderá provar que está vivo sem sair de casa

INSS facilita as regras da prova de vida para beneficiários com mais de 80 anos que têm dificuldade para se locomover.

Agora, idosos impossibilitados de se deslocar poderão fazer isso de casa, por intermédio de uma pesquisa externa.

O representante do INSS irá até a residência ou local informado pelo segurado, para atestar que ele permanece vivo.

O requerimento para ter acesso ao serviço deverá ser solicitado pela Central 135 ou pelo aplicativo Meu INSS.

A medida faz parte da Resolução número 699, de 2019, publicada em três de setembro no Diário Oficial da União.

Para os demais beneficiários, está mantida a regra de ir presencialmente ao banco para fazer a prova de vida e não ter o pagamento bloqueado.

Os períodos de comprovação são estabelecidos pelo INSS.