PM flagra tráfico no Jd. Camanducaia em Amparo SP

Equipe policial militar em Patrulhamento pela Rua Rodrigo de Arruda Botelho, Jd. Camanducaia, depararam com o Indiciado M. entregando algo para a Testemunha L., que ao perceberem a aproximação das Equipes Policiais, tentaram fugir.
Ao serem alcançados, no momento da abordagem, L. colocou o objeto na boca e engoliu, restando em sua mão uma cédula de R$10,00 (dez reais).
Em Busca Pessoal no Indiciado C., localizado 02 (duas) Pedras de Crack em sua mão, e mais 05 (cinco) Pedras de Crack no bolso de sua blusa, bem como um telefone celular e a quantia de R$ 53,45 (cinquenta e três reais e quarenta e cinco centavos).
Em diálogo com a testemunha, o mesmo informou que teria comprado 01 (uma) Pedra de Crack de C, que foi o objeto que teria engolido, e a Cédula de R$10,00 (dez reais) seria para pagar pela Droga.
Diante do exposto, o Indiciado C. recebeu Voz de Prisão pelo Crime de Tráfico de Drogas e foi conduzido ao PS do Hospital Beneficência Portuguesa para exames de Corpo de Delito e posteriormente ao Plantão Policial de Serra Negra, onde a testemunha confirmou sua versão sobre o ocorrido.
Sendo assim, o Delegado de Polícia Renato Costa Neves Ratificou a Voz de Prisão baseando-se no ART. 33 da lei 21343/06.
O Indiciado permaneceu Preso aguardando a Audiência de Custódia.
A Droga e o Dinheiro localizados com o Indiciado foram apreendidos conforme Auto de Exibição e Apreensão, e o Dinheiro da Testemunha foi Devolvido a ele.
A Testemunha foi liberada após prestar Depoimento.
Foi necessário o uso de Algemas na condução do Indiciado devido ao receio de fuga, conforme é previsto no Decreto Federal n°8858/16. Todos os Direitos Constitucionais do Indiciado e Testemunha foram Respeitados pela Polícia Militar do Estado de São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *